RELÓGIO

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Aly e SO ENERGY vamos resolver problemas do Estado na rua a moda dos teus patrões

Ignorância perdoa-se, mas quando é voluntária, pune-se. Aly Silva ou o administrador ou representante da SO ENERGY estão a persistir na ignorância voluntária e devem ser punidos apenas com a verdade aqui em público e com condenações nas instâncias competentes.

Ontem, o Aly Silva publicou um vídeo no qual, um suposto representante da SO ENERGY apresenta para o mundo, as máquinas que já haviam colocado na Guiné-Bissau para iniciar o fornecimento da energia, ao abrigo do tal contrato.

O tal representante da SO ENERGY que nem o nome conhecemos explicou apenas que assinaram o contrato com o Governo e mentiu a seguir que o Dr. Florentino Mendes Pereira assinou o contrato. Mentiu que a residência do Dr. Florentino é em Dakar, onde a AGREKKO tem sede. Que mentiroso é este homem!!! Nem conhece a lógica de que não se pode ser ministro e estar a viver num outro país, se o teu país não está em guerra. O Dr. Florentino esteve em Dakar para cerca de três semanas no mês de Agosto, porque estava doente. Todos vocês sabiam disso, mas querem ignorar por maldade e má-fé ignorar.

O tal representante da SO ENERGY exibiu ou apontou para um ou o barco que transportou os grupos geradores que seriam instalados na central eléctrica de Bissau para fornecer energia. No fim implorava ao Dr. Florentino Mendes Pereira para permitir que a sua empresa começasse a trabalhar.

Esclarecimentos e questões
O Contrato não foi assinado pelo Dr. Florentino e o início ou a sua implementação não depende dele. Depende da verdade e do respeito aos procedimentos. No entanto, sem entrar em muitos pormenores, da nossa parte entendemos que, os grupos que se vê no barco são parecidos com os instalados pela AGREKKO. Mas não é isso que interessa. Admitamos que os grupos de SO ENERGY podem até ser melhores. Mas existem questões em discussão, mas que parecem não interessar nem Aly Silva, nem os responsáveis da SO ENERGY.

1ª Questão: Quais as circunstâncias em que o Contrato foi assinado? Foi com Governo legal ou não? O Contrato teve o visto do Tribunal de Contas ou não? 12 de Maio, data da queda do Governo, 25 de Maio dias das barricadas do Governo demitido, são datas legais… para um governante assinar o contrato? Se são, as nossas sinceras desculpas então. Mas se não são, vocês todos são aldrabões. E não são.

2ª Questão: Vantagens económicas do Contrato para a Guiné-Bissau. Aly Silva, tu sabias que, o fornecimento da SO Energy, por Mgw, é o dobro em termos de custos financeiros da AGREKKO? Pergunte e peça para te fazerem simulação. Temos sensação que tu és patavina na economia e na matemática, porque nada percebes.

3ª Questão: Porque razão não se renunciou o contrato da AGREKKO antes da feitura do ilegal contrato com a SO ENERGY. É que, quem não é burro, sabe que, para solicitar trabalho a alguém, mesmo sendo domésticas nas nossas casas, temos que despedir a outra. Tu não podes dizer que, a patroa manifestou intenções de contratar outra doméstica, automaticamente a outra deve sair. Devem acertar a data em que a outra cessará as funções. Nem exemplos como estes te despertam, Aly.
- Quem deu ordens ao pessoal da SO ENERGY para trazer para Bissau, os equipamentos, antes dos de AGREKKO saírem? Que responsabilizem esta pessoa.

4ª Questão: Porquê é que, no vídeo se está a implorar ao Dr. Florentino Mendes Pereira para dar o contrato. O Dr. Florentino não pode sozinho decidir num assunto de Estado. Esta questão é assunto de Estado. Ultrapassa a direcção da EAGB.

5ª Questão: Aly, porque razão os responsáveis da SO ENERGY não vão ao Tribunal seja aqui ou noutro lugar para reclamar os seus direitos? Nos Estados civilizados, quando as pessoas ferem os nossos direitos, vamos aos tribunais que são instâncias competentes para julgar. Se na verdade o concurso é internacional, as instâncias judiciais internacionais podem intervir. Mas se pensarem que, com tentativas de pressões vão fazer das mentiras, verdades – tirem o cavalinho.

Por último, Aly Silva, para a vossa informação, tu e o representante e os teus patrões com mãos ocultas neste processo, houve um encontro entre o embaixador dos Estados unidos da América com o Primeiro-ministro, onde este assunto foi discutido em pormenor.

Vá junto deles saber o resultado. Não vamos tornar público o resultado, porque o assunto é do Estado, neste caso. Foi de representante de um Estado com um Governo. A conversa foi franca. Mas como as vossas saídas são propagandas políticas, cá estamos para vos desarmar com as vossas mentiras.

Amigos de Comunicação do PRS

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Aly, tu suicidaste com esta publicação

Aly, em quê é que ficamos? Manter a discussão sobre AGREKKO e SO ENERGY, ou vergar para insultos?
Aly, o teu forte, nós já conhecíamos. Insultos. Não estamos interessados, porque vergar para insultos neste momento é deixar a meio uma discussão muito interessante. Esclarecer o que aconteceu no contrato entre a SO ENERGY e o Estado da Guiné-Bissau. Continuemos a discutir ideias. E desde logo, sobre o teu conhecimento e especializações.
Perguntou se sabemos da comunicação. Uma resposta simples: No mundo actual, o Google dá resposta a quase todas as perguntas e aos problemas. Até os teus amnésicos problemas causados pelo consumo excessivo de ESTUPEFACIENTES, o Google responde. Mas da comunicação, sabemos. Sem recurso a nenhum compêndio, ou wilkepédia, a  comunicação é um processo de troca de informações entre duas o mais partes. No processo de comunicação há um Emissor e um Receptor. Mas há uma terceira parte chamada canal, que é o meio por onde se transmite a mensagem. Mas admitimos que não sabemos e ensine-nos.

Aly, tu não és sério. Terminemos a história do AGREKKO e SO ENERGY, das santidades de cada uma das partes, para depois vergarmos para insultos.

Aly, burro é tu. Veja só duas coisas no documento que tu mesmo publicaste. Aprouvé, em francês pode ser testemunhado ou aprovado. Ninguém negou isso e está. Mas resta disseres que este foi o primeiro contrato assinado em 2014. Aqui estamos entendidos e as testemunhas.

Onde queres esconder a verdade é o ano. Aquele se trata do ano 2014 o primeiro contrato que resolveu o problema da energia. Resolveu a medida das nossas necessidades, porque o Dr. Florentino Mendes Pereira tem outras ambições.

Segundo, leia atentamente o último parágrafo do contrato e veja o que são oito semanas. O que é que significa e que fez com que constasse. Oito semanas são dois meses. E significa que, na eventualidade do contrato tiver que ser abandonado, alguém devia informar AGREKKO em dois meses. Achas que um concurso internacional dispensa tudo aquilo. As verdades são indesmentíveis.

Se quiser saber quem somos, escreva o nome das pessoas que te mandaram mentir. Mas desde já, somos militantes do PRS. Todos nós somos funcionários públicos.

Reposição de verdade, nas mentiras de Aly Silva e os seus patrões

Aly Silva, tu continuas a dar tiros nos próprios pés e corres o risco de ficar sem pés. Talvez por causa dos efeitos ‘daquilo’ (já sabes não é?) por vezes entras em disparates que viram contra ti. Por outro lado, já estamos habituados a tuas estratégias. Sempre que sentir a carência de argumentos, recorres aos insultos. E neste aspecto, consegues com facilidade tirar as pessoas do sério. Para repor as verdades, vamos sair do sérios e ir atrás das tuas contradições até que o mundo perceba das suas mentiras.

Factos: Nomes que tentas esconder e mentiras que queres que sejam verdades. Felizmente, alguns nomes já estão a aparecer. E serão sublinhados. As mentiras que tentas fazer verdades continuarão mentiras.

Antes de te desmascarar, Aly, talvez pelo seu baixo nível em direito, não conheces a figura jurídica denominada renúncia. E por seres desorganizado, os procedimentos não te dizem nada. Um concurso Internacional não dispensa a renúncia do contrato, porque o acto daria necessária informação ao contratado. Só um exemplo prático: Neste momento, tu tens um contrato com o PAIGC para promover a imagem do partido e do seu presidente do teu Blog. Se eventualmente o PAIGC quiser contratar um Blog, mesmo lançando concurso, devem informar-te que, quando o nosso contrato terminar jamais queremos que nos preste serviço. Na maioria dos casos, os prazos para estas informações são de dois meses, como neste caso de AGREKKO.

Caso em discussão e mentiras que tentas lançar
É verdade quem em 2014 a EAGB assinou o contrato com AGREKKO para o fornecimento da nergia. Qualquer guineense elogiou o mesmo contrato, excepto tu, claro e por razões óbvias.

Disseste ou escreveste que o ministro Dr. Florentino Mendes Pereira assinou o contrato. É mentira. O contrato entre AGREKKO com a EAGB, entre duas empresas, foi assinado por dois Directores e testemunhado por dois ministros. Neste caso, o Dr. Florentino Mendes Pereira, como ministro da Energia e da Indústria e o Dr. Geraldo Martins como ministro da Economia e Finanças. Isto é que é verdade.

Disseste ou escreveste que o contrato foi prorrogado em Outubro de 2015. Mentira. Embora seja no período em que o Dr. Florentino Mendes Pereira já não estava no Governo, podemos ainda corrigir-te e dar reais informações a quem lê. O Contrato entre a EAGB e AGREKKO foi prorrogado em Dezembro para um período de seis meses e devia terminar no mês de Junho último.

Talvez é aqui que está todo o vosso azar. Na tentativa de forçar contrato com So Energy, os teus patrões esqueceram que tinham dois meses de antecedência para informar a AGREKKO que o contrato devia mesmo terminar. Em consequência dessa vossa distração ou burrice, estamos a viver esta situação. Com AGREKKO, o que aconteceu é que o contrato devia se denunciado com dois meses de antecedência. Como não denunciaram o contrato foi automaticamente prorrogado. Isso é que é verdade em direito e não no torto, como queres que as coisas funcionem. Há uma cláusula contratual que diz isso e que AGREKKO accionou, INFELIZMENTE.

Disseste que Carlos Correia e Wasna assinaram com a SO ENERGY. Mentira. Não foi o Carlos Correia. Foi o Geraldo Martins, como ministro da Economia e Finanças quem assinou. Veja só a vossa máfia. Com AGREKKO foram os dois directores. Com SO ENERGY foram os ministros. Sabes a razão? Eles, os teus patrões sabiam do mal que estavam a fazer e optaram por engajar o Governo. E já agora, diga uma coisa: há motivos para esconder alguns nomes?

Renovamos o nosso apelo: sublinhe, para ajudar os eleitores, onde está a responsabilidade do ministro Dr. Florentino Mendes Pereira em toda esta cronologia? Se sublinhar algum, terás de certeza um pedido de desculpa. Mas enquanto não o consegue fazer, por favor, Aly, poupe o homem. Deixe-o em paz. Florentino não consegue decidir em situações tortas. O Dr. Florentino não assinou nem com AGREKKO e muito menos com SO ENERGY. Com a SO ENERGY os encontros têm sido apenas de conciliação e busca de solução para um problema causado pelos teus patrões.

Quanto a poluição e a solução mágica que a SO Energy vai trazer, esclareça a seguinte questão: quem prorrogou o contrato em Outubro de 2015? Foi o teu PAIGC e teus patrões. Na altura as criações estudavam na escola ou não? Saiba que nessa altura, o Dr. Florentino Mendes Pereira já tinha deixado o Governo.

A poluição de que falas sobre AGREKKO. Quando é que iniciou? Aly, Só agora? Só agora é que o fornecimento da energia causa poluição? O teu PAIGC foi Governo durante dois anos. PAIGC como Governo, AGREKKO trabalhou quase um ano e meio naquelas situações. Não disseram nada, hoje, porque querem outra coisa, trazem outras explicações. Poupem-nos e sejam sérios na vida.

No aspecto técnico e financeiro, Aly, tu achas que SO Energy, tem melhores materiais comparativamente à AGREKKO? Tente conhecer melhor o histórico das duas empresas. Mas diga lá se a SO Energy vai construir uma nova central eléctrica que não polui o ambiente? Tem resultado de algum estudo que dirá que o fornecimento da SO Energy não poluirá a escola?

E por favor, não minta! Na central eléctrica de Bissau, não há onde instalar grupos, a não ser onde estão neste momento os grupos da AGREKKO. E a corresponder a verdade o que estás a dizer, porquê é que os Governos dos teus patrões não fizeram essa opção desde cedo?

Finalmente Aly, pare de aventurar nos dados e nos números sobre o fornecimento da energia. Pergunte aos teus mandantes o que está em jogo e saiba que, o Governo tem resistido nessa polémica, exactamente porque os custos da SO Energy são exorbitantes e quase o dobro de AGREKKO. Daí a pergunta: o porquê de obrigatoriamente o Governo ter que dar o contrato a SO ENERGY?

Entre AGREKKO e SO Energy, quem pede 300 milhões de Fcfa para um mês de fornecimento e exactamente na mesma quantidade  de Mgw, o outro pede 200 milhões de Fcfa para dois meses? Na hora certa se vai saber a verdade. Vamos apresentar aos guineenses, uma simulação das contas dos dois fornecimentos.

A Seguinte situação nos preocupa: Porquê é que não falou da frota de 50 cisternas? São 50 e não 150, como antes se publicou? Porquê é que não falas? Porque os patrões não querem!!!

Aly, ninguém desistirá até a verdade ser conhecida. E sabes porquê é que se tem dedicado algum tempo a ler e a responder os teus desvaneios? Porque sabemos quem está por detrás e o que querem.

A história de compra de carros, não merece respostas porque é baixeza absoluta. Ligar nome do Dr. Florentino a questões de carros é baixeza. Tu por exemplo, não tens emprego e andas num luxuoso mercedes preto e por falença vendeste o verde. O Dr. Florentino é empresário e intermediário dos japoneses na Guiné-Bissau e não pode ter carro!!!. Bai timbora bó, Aly!
Kim ku téné rabo di padja, pa ka i camba fugu.


Amigos de Comunicação do PRS

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Gabú saiu a rua para festejar a recepção do PRS

Sempre a subir... rumo a uma governação para o bem-estar dos guineenses.

Aly Silva pergunte aos teus patrões sobre o combustível desaparecido

Aly Silva, enquanto demoras a publicar os teus comprometedores documentos, vamos informar-lhe que, os nossos documentos “prometedores” sobre os teus patrões e bandidagens que fizeram serão divulgados, se a situação justificar. Contudo, agradecemos a reposição da verdade sobre a não assinatura do Dr. Florentino Mendes Pereira, mas a seguir deixou passar outra mentira e não te fica bem. Escreva com letras gordas que Florentino Mendes Pereira não assinou contrato nenhum. E dê negrito aos nomes de Wasna Papai Danfá e Carlos Correia.

Estás a fazer chantagens apenas, porque não tens nada de concreto. Nada mesmo a não ser falsificações. O Dr. Florentino pediu para publicares todos os teus documentos comprometedores. Disse que se não publicar, ele vai exigir noutras instâncias.

Por outro lado, é do nosso conhecimento que, e tu que gabas de ser bom investigador já devias saber que, os teus patrões desviaram uma frota de 150 camiões cisternas de combustível destinado para a EAGB. Diga-lhes que o MP vai voltar a carga nos próximos dias, porque o assunto é nacional.

Lembra-lhes, os teus patrões neste caso, também que, os rombos praticados nos cofres do Estado, através de resgates e hipotecas as receitas do Estado, também merecerão atenção da justiça. Aly, o teu problema é não compreender que, lidar com pessoas que fizeram percurso seguro, como Dr. Florentino Mendes Pereira, exige outros atributos. Atributos que tu não tens, nem os teus patrões. Exigem ser limpo.

Aly, a partir de agora, esta luta será terrível para os teus patrões. Já sabemos as razões dos seus ataques. Eles querem que atinjas pessoalmente o Dr. Florentino Mendes Pereira, num assunto do Estado. Ninguém irá desprezar nada. Falas em nome do Dr. Florentino Mendes Pereira, mas não falas no nome de Wasna, nem Carlos Correia e limitas a dizer anterior Governo. Porquê que não falas no Governo actual e fala numa pessoa apenas? Não é questão de medo, até porque o Dr. Florentino Mendes Pereira não tem nada a temer. Quem não deve, não teme. É questão de coerência.

Se o assunto é institucional, que fique nas instituições. Se é pessoal que vá para pessoas. Será que se o Governo decidir, o Dr. Florentino pode recusar? O que aconteceu aqui é que os actos dos teus patrões são lesa pátria e o actual Governo exigiu mais esclarecimentos. E já se sabe perfeitamente, a razão da pressão que eles estão a mover. É um assunto mais político. Infelizmente, a realidade é esta e não se pode fazer muita coisa. Também irritou os teus patrões, o recente aparecimento dele a falar das estratégias de aumento de produção. Milhares de anos com problemas crónicos de energia, o Dr. Florentino apareceu e deu solução. Em vez de ajudar o teu partido a agradecer, vez com jogos baixos.

Depois da assinatura do acordo com a CEDEAO o teu partido quis dar o dito por não dito. E como forma de sair da situação, querem atingir a reputação do Dr. Florentino Mendes Pereira. Para além de injustiça, tu e teus patrões estão de má-fé. O PRS tem sido para vossa infelicidade, um partido em crescimento.

Porque onde há bom senso, e numa situação tão complexa como esta, não podiam nunca estar a pensar que o Dr. Florentino podia estar a inventar decisões.

Aly Silva, porquê é que nunca falas da rescisão do contrato com AGREKKO? Porque para fazer novo contrato, pelo menos os teus patrões deviam ter a amabilidade de rescindir ou anunciar AGREKKO que o contrato não seria renovado.

Mas optaram por tal contrato com So Energy já no fim da governação para poderem passar responsabilidades aos outros.

Pergunte ao pessoal da SO ENERGY o que têm feito em relação ao ministro de Estado. Pelos vistos, estás a complicar ainda mais uma situação já só por si complicada pelo Governo dos teus patrões.

Mantenhas

domingo, 18 de setembro de 2016

Aly Silva tenta transferir para o Dr. Florentino Mendes Pereira as responsabilidades e irresponsabilidades dos seus patrões






 

No dia 17 de Setembro, Aly Silva publicou no seu Blog, muitas mentiras sobre a assinatura do Contrato entre SO Energy e a EAGB. Quer transferir para o Dr. Florentino Mendes Pereira, as responsabilidades e irresponsabilidades do anterior Governo. Escreveu que o ministro, da Energia, Dr. Florentino Mendes Pereira assinou o contrato. Como prova dessa assinatura, ele publicou um documento com uma assinatura, mas sem o nome do ministro que assinou.

A partida, a informação para além de falsa, só revela a frustração e o desespero em que o Blogger e os seus patrões entraram. Se não fosse a frustração, teriam todo o cuidado de verificar bem o nome das funções de Florentino Mendes Pereira e saber que, ele nunca aceitaria assinar um documento que não conhecesse, ou que não for bem escrito. Por último deviam saber que, as barricadas dos membros do Governo de Carlos Correia no Palácio do Governo ultrapassaram a data falsificada e tira toda a veracidade ao documento. O que implica que, para assinar um contrato era necessário negociá-lo e envolver os técnicos com os seus pareceres.

 

Primeira falsificação

No tal contrato publicado, consta apenas ministro da Energia, que Aly Silva e seus patrões tentam fazer toda gente acreditar que tal ministro é o Dr. Florentino Mendes Pereira. É falso. No actual Governo, Dr. Florentino Mendes Pereira, não é nada mais que, ministro de Estado, da Energia e de Indústria. Isso significa que, qualquer técnico da EAGB a preparar o contrato teria o cuidado de escrever isso correctamente. Portanto, o contrato não foi assinado pelo Dr. Florentino Mendes Pereira, até porque, a data de 25 e Maio, o Dr. Florentino Mendes Pereira ainda não tinha assumido o gabinete.

 

Segunda falsificação

A segunda falsificação do Aly Silva e seus patrões está ligada a data e o papel jogado por Dr. Florentino Mendes Pereira neste processo. O primeiro contrato que Aly publicou e que curiosamente já retirou do seu Blogm foi datado de 12 de Maio, dia em que o Governo de Carlos Correia foi demitido e estava escrito em francês. Quando há quase um mês denunciamos esta situação, ele decidiu retirar o post em causa. Este que agora publicou, é datado de 25 de Maio e está escrito em português. Mesmo admitindo que o contrato foi feito em duas ou três línguas, não se pode admitir que para um contrato possam haver duas datas.

No post que retirou, Aly Silva tentou mostrar que, havia razão da SO Energy receber o direito de fornecimento, porque o contrato foi acertado praticamente dois meses antes do Governo ser demitido. E que o Dr. Florentino Mendes Pereira só tinha de autorizar a execução do contrato. Hoje mudou tudo. Quer mostrar que quem negociou e assinou o contrato foi o Dr. Florentino Mendes Pereira. Portanto é estranho, esta tentativa condenada a frustração de imputar ao Dr. Florentino Mendes Pereira responsabilidade de um dossier que praticamente desconhece. E Aly tem demonstrado uma gritante falta de coerência na avaliação das coisas. Acha possível, o Dr. Florentino Mendes Pereira negociar com SO Energy, para depois voltar atrás?

 

Terceira falsificação

Ignorar o papel de Mediação do dr. Florentino Mendes Pereira. Aly Silva ou seus patrões nacionais bem identificados, estão a tentar fazer querer que o Dr. Florentino Mendes Pereira tem más intenções neste processo, quando é exactamente o contrário. Ele tem trabalhado com os responsáveis da SO Energy e da Embaixada dos Estados Unidos da América a volta deste dossier para que seja encontrada uma solução que não lese o interesse de nenhuma das partes. Como ministro de Estado, da Energia e da Indústria, o Dr. Florentino Mendes Pereira já reuniu ‘n vezes’ com os responsáveis da empresa e da embaixada dos EUA. Todos estes encontros foram num ambiente cordial e de diálogo franco onde ambas as partes manifestaram o interesse em encontrar a melhor solução airosa. O Dr. Florentino Mendes Pereira tem noção perfeita de que a governação é continuidade. E sendo assim, não se pode, abandonar tudo aquilo que os antecessores fizeram, ou ainda estar a tentar tirar proveitos políticos de uma ou outra decisão menos acertada de quem já foi Governo.

O que é verdade e que Aly Silva e seus patrões devem saber é que, a decisão de avançar para contrato com SO Energy, foi precipitada. Precipitada, porquê? Porque factos demonstram que, AGREKKO não está a prestar mau serviço. E havendo necessidade de aumento da capacidade de produção da energia, se podia apenas solicitar a empresa detentora do contrato. Não se pode duplicar o contrato como o Governo dos patrões de Aly fez e passar batata-quente para os outros. Mas como atrás se referiu, a governação por ser continuidade, se vai continuar a tratar deste dossier, ao mesmo tempo que as devidas responsabilidades criminais serão apuradas.

 

Quarta falsificação

Djaló Petroservice. Recorrentemente Aly Silva e seus patrões ligam o nome do Dr. Florentino Mendes Pereira a empresa Djaló Petroservice, empresa que fornece combustível a EAGB. No início, Aly Silva disse que a empresa foi criada pelo Dr. Florentino Mendes Pereira. Com o passar do tempo e talvez por conseguir provar no Centro da Formalização das empresas que o nome do Dr. Florentino não consta como accionista, mudaram de estratégia e passaram a presumir que, ele ganhar fortuna por outros caminhos. Mas em que condição? E nove 9 meses que o Dr. Florentino Mendes Pereira esteve fora da governação, quem ganhou tal fortuna? Será que foi o Dr. Florentino quem fez o contrato de fornecimento de combustível com Djaló Petroservice?

Aly, pergunte aos responsáveis do PURSEA “melhor” o que é que aconteceu, talvez assim terás elementos para fazer acusações com fundamento. Reiteradas vezes dissemos aqui que, o Dr. Florentino Mendes Pereira tem uma estação de combustível que não é segredo para ninguém. Se pudesse fazer a empresa ser fornecedora da EAGB faria. Aliás, puder até pode, porque já se assistiu neste país, pessoas a forçarem próprias empresas a prestarem serviço ao Estado sem concurso. Curiosamente, pessoas do PAIGC e teus patrões. Mas o Dr. Florentino Mendes Pereira não se vergou por este caminho. O fornecimento de combustível para a EAGB, foi resultado de um concurso lançado pelo PURSEA. Pergunte para saber.

 

Quem faz mal a este país?

Aly Silva, os teus patrões foram Governo em dois anos e fizeram tudo neste país. Utilização das próprias empresas para prestação de serviço de Estado sem concurso. Mas o mais escandaloso foi o RESGATE. Não interessa falar do prejuízo que provocou ao país. Falemos apenas de 3 biliões de Comissão que eles receberam e que foi dividido para diversas contas bancárias. Não tem mínima ideia dos gigantescos esforços que o actual Governo tem feito para minimizar os efeitos desta situação. Por último para te dizer que a tua campanha mal direcionada, não terá o esperado sucesso. Sempre que necessário, estaremos aqui desarmar as tuas mentiras. Compreendemos a dimensão da frustração. Qualquer um no vosso lugar passaria pelo mesmo. Mas, apreendam, porque são coisas de vida.

O que nos preocupa, é que, apesar de derrotas em derrotas, parecem estar determinados em não aprender. E quem não consegue aprender, é burro.

 

Escreva, vamos responder! Mantemos ainda onde estamos.